Nuzman é condenado a 30 anos de prisão por propina pela Olimpíada do Rio

1 semana atrás 18

Group CopyGroup 5 CopyGroup 13 CopyGroup 5 Copy 2Group 6 Copy


O ex-presidente do COB (Comitê Olímpico do Brasil) Carlos Arthur Nuzman foi condenado a quase 31 anos de prisão pela acusação de ter participado do pagamento de propina a membros do COI (Comitê Olímpico Internacional) em troca de votos para o Rio de Janeiro sediar os Jogos Olímpicos de 2016.

Mais do Valor Econômico

O anúncio da realização da sessão, feito na tarde desta quinta-feira (25), havia provocado protestos e diversos pedidos de adiamento

Há 41 minutos Política

As concorrentes “não cumpriram as exigências requeridas no edital, sendo, então, inabilitadas para a prestação dos referidos serviços”, diz fato relevante arquivado pelo banco na CVM

Há 45 minutos Finanças

Segundo levantamento realizado pela Neotrust entre 18h e 19h desta quinta-feira (25), foram registrados 1,48 milhões de pedidos, avanço de 4% na comparação com o mesmo período de 2020

Há 1 hora Empresas

Plano da empresa, tradicional em laticínios, é abrir quatro unidades da Queijaria Tirolez até o fim do ano

Há 1 hora Agronegócios

A reorganização da estrutura societária do Inter pretende migrar a base acionária do Banco Inter para a Inter Platform Inc., que será listada na Nasdaq, em Nova York

Há 2 horas Finanças

Esse é o sinal mais recente de que o desaquecimento do setor imobiliário e os problemas causados pela falta de energia prejudicaram a demanda industrial no país asiático

Há 2 horas Mundo

A CVM abriu processo contra José Carlos Cardoso e Fernando Passos por divulgação de informações falsas e manipulação de mercado em episódio que gerou a maior crise da história da companhia

Há 2 horas Finanças

A indicação do diplomata foi aprovada pela Comissão de Relações Exteriores do Senado

Há 2 horas Agronegócios

O parlamentar reiterou as críticas à decisão do STF que determinou a suspensão da execução dos recursos, afirmando que conceder ampla publicidade aos solicitantes e destinatários das emendas é algo "inexequível" para este ano

Há 2 horas Política

Fonte