Mercado formal desacelera e abre 253 mil vagas em outubro, menor saldo em 6 meses

1 mês atrás 25

O país registrou a abertura de 253 mil vagas de emprego com carteira assinada em outubro, segundo dados divulgados nesta terça-feira (30) pelo Ministério do Trabalho e Previdência. O saldo mantém os dados em trajetória de desaceleração e representa o menor resultado em seis meses.

O saldo foi resultado de 1,7 milhão de contratações e 1,5 milhão de desligamentos, de acordo com o Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). Esse é o segundo mês seguido de queda na criação de vagas.

Em janeiro de 2021 foram criados 261,2 mil novos contratos e em fevereiro, 397,6 mil. A partir de março, com a alta no número de casos e de mortes de Covid-19, o resultado foi menor. Foram 175,6 mil novos postos de trabalho em março, seguidos de 116,1 mil em abril, e 275,7 mil em maio.

A partir de junho, as contratações se aceleraram. Junho e julho registraram cerca de 302 mil novas vagas cada. Em agosto, esse número subiu para 368 mil. Em setembro, foram 313,9 mil vagas.

No ano passado, o saldo de Caged referente a 2020 caiu quase pela metade se comparado ao número divulgado inicialmente pelo governo federal.

Segundo dados divulgados em janeiro pelo Ministério da Economia, o indicador havia ficado positivo em 142.690 vagas no ano passado. Após ajustes com números entregues por empresas fora do prazo, o saldo encolheu 46,8%, para 75.883 vagas criadas.

Fonte