Mavericks mira em Turner e Collins na trade deadline

2 dias atrás 29

De acordo com o jornalista Marc Stein, do site Substack, o Dallas Mavericks está de olho em Myles Turner (Indiana Pacers) e John Collins (Atlanta Hawks) para a trade deadline. A equipe texana tenta reforçar o seu garrafão ainda para a atual temporada, mas terá de abrir mão de alguns atletas. Segundo Stein, os primeiros nomes disponíveis seriam Dorian Finney-Smith e Jalen Brunson. No entanto, apenas os dois contratos não seriam capazes para fechar a troca.

Finney-Smith e Brunson estão no último ano de seus acordos com o Mavs. Somados, entretanto, atingem US$5.8 milhões. Collins recebe cerca de US$23 milhões no Hawks, enquanto Turner tem US$18 milhões. Para que a equipe de Dallas consiga uma negociação, será necessário envolver alguém como Tim Hardaway Jr (US$21.3 milhões).

Brunson vem fazendo a melhor temporada da carreira e, recentemente, ganhou vaga no quinteto titular em definitivo. Anteriormente, ele entrava apenas quando o ídolo Luka Doncic estava indisponível. Na vitória em que o Mavs encerrou a invencibilidade do Memphis Grizzlies, o atleta somou 15 pontos, nove assistências, cinco rebotes, além de cinco roubadas (recorde pessoal).

Por outro lado, Finney-Smith tem sido eficiente no arremesso de três (38%), faz 10.5 pontos e pega 4.7 rebotes (1.5 ofensivos). Uma extensão contratual com o Mavs, todavia, poderia ser acima do que a direção gostaria de pagar.

Mavericks quer Turner ou Collins na trade deadline

Enquanto o Mavericks busca um jogador de garrafão para fazer dupla com Kristaps Porzingis, a direção quebra a cabeça para entender se apenas Tim Hardaway Jr e mais um dos dois seria suficiente para conseguir a troca.

Turner é um dos melhores protetores de aro da liga e liderou a NBA em tocos nas temporadas 2018-19 e 2020-21, além de ser o melhor da atual campanha. O problema, no entanto, é que o Indiana Pacers vem fazendo jogo duro para liberar o pivô. Embora ele reclame que a equipe não o valoriza, a direção não quer partir para o tank e planeja manter o atleta. Hoje, o Pacers ocupa apenas o 13° lugar na conferência Leste e vem de nove derrotas nos últimos dez jogos. O jogador tem contrato até 2022-23, o que eventualmente facilitaria uma negociação.

Collins, que também reclamou de seus status recentemente, teve seu contrato renovado antes do início da atual temporada. Mais lapidado ofensivamente que Turner, o ala-pivô tem um aproveitamento de 43.9% nos arremessos de três e pega mais rebotes que o jogador de Indiana. Pesa a seu favor o fato de ser muito bom finalizando perto da cesta, algo desejado por Luka Doncic. Além disso, o Atlanta Hawks decepciona e é o 11° no Leste.

Siga o Jumper Brasil em suas redes sociais e discuta conosco o que de melhor acontece na NBA: 

Instagram
YouTube
Twitter
Canal no Telegram

Fonte