IPTU 2022 tem alta de até 55% e sorteio de carros para quem não atrasar

1 semana atrás 23

Janeiro é época de pagar o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), que sempre pesa no bolso. Os contribuintes vão sentir no IPTU 2022 a disparada da inflação de 2021 (10,06%, a maior desde 2015). Há prefeituras que vão reduzir algumas taxas, mas outras cobrarão bem acima. É o caso de Goiânia (GO), que vai chegar a 55% de reajuste. Outras vão sortear carros para quem não atrasa os pagamentos, como Manaus (AM).

As cidades costumam oferecer descontos para motivar o contribuinte a fazer o pagamento do imposto em uma única parcela e assim antecipar a entrada de recursos em caixa. Em cidades como São Paulo, o abatimento neste ano é de apenas 3%. Já no Rio quem pagar à vista pode abater 7% no valor total.

Saiba a seguir quais são os aumentos e os descontos do IPTU para algumas capitais do país.

Sudeste

  • São Paulo: O reajuste do IPTU de 2022, atrelado ao IPCA de 2021, fica limitado ao teto de 10%. O desconto à vista é de apenas 3%, e o parcelamento é em até 10 vezes.
  • Rio de Janeiro: A correção do IPTU será de 10,42% neste ano, segundo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo - Especial (IPCA-E). A cota única, com vencimento em 7 de fevereiro, permite um desconto de 7% sobre o valor lançado no carnê.
  • Belo Horizonte: O aumento, atrelado ao índice inflacionário, será de 10,42% neste ano. O pagamento antecipado, até 20 de janeiro, gera um desconto de 10%.

Sul

  • Curitiba (PR): Com um reajuste limitado à inflação acumulada em 2021 (segundo o IPCA), a prefeitura vai conceder neste ano um desconto de 4% para quem pagar à vista, até 10 de fevereiro. O parcelamento é em até 10 vezes.
  • Florianópolis (SC): Quem optar pela cota única, com vencimento em 20 de janeiro, terá um abatimento de 20% no tributo. Já quem optar pelo pagamento à vista até 7 de fevereiro contará com um desconto de 10%, caindo para 5% para aqueles que optarem pela quitação até 7 de março. Os contribuintes poderão ainda parcelar em 10 vezes. Neste ano, o índice de correção, com base na variação do IPCA acumulado entre novembro de 2020 e outubro de 2021, será de 10,67%.
  • Porto Alegre (RS): A correção do IPTU será de 10,67% (IPCA medido entre novembro de 2020 e outubro de 2021). Os pagamentos em parcela única, feitos até 8 de março, não terão desconto. Quem quitou até 4 de janeiro pôde abater 8% do valor total. O contribuinte tem a possibilidade de pagar em até dez vezes.

Centro-Oeste

  • Goiânia (GO): Além da inflação, quem pagar o IPTU poderá ter de arcar com um reajuste de até 45%, somando no total 55%. O percentual é resultado de uma alteração legislativa. O pagamento pode ser feito em até 11 vezes, com parcelas de pelo menos R$ 28.
  • Campo Grande (MS): Neste ano, a prefeitura decidiu não reajustar o IPTU. O tributo pode ser pago em até 10 vezes (com parcela mínima de R$ 50), com 5% de desconto se a quitação for feita até a data de vencimento e 10% de abatimento se o pagamento for realizado até 10 de fevereiro.
  • Distrito Federal: Para 2022, a Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou um reajuste do imposto de 10,42%, correspondente à variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Nordeste

  • Salvador (BA): O índice de correção do IPTU será de 10,74% (IPCA registrado de dezembro de 2020 a novembro de 2021). O contribuinte pode pagar a cota única com 7% de desconto, até a data de vencimento do boleto, ou parcelar em até 11 vezes.
  • Aracaju (SE): O reajuste neste ano será de 10,05% para o exercício de 2022. Até 17 de janeiro, o pagamento em parcela única permite um desconto de 7,5%.
  • Maceió (AL): Na capital alagoana, o reajuste do IPTU será de 10,25%. A cota única dá direito a um desconto de 10% (pagamento até 29 de abril) ou 15% (quitação feita até 10 de março). Os parcelamentos são em até 10 vezes.
  • Recife (PE): Corrigido em 10,67%, o tributo pode ter um desconto de 10% para quem optar pela parcela única. Quem preferir pode quitar ao longo de dez meses.
  • João Pessoa (PB): A correção do IPTU será de 10,74%. A cota única com desconto de 15% vencerá em 8 de março. Outra opção é dividir o valor em até 10 vezes.
  • Fortaleza (CE): O pagamento da primeira cota única, até fevereiro, dá direito a 8% de desconto, abatimento de 6% se for feito em março e 4% em abril, sempre até o quinto dia útil. Os parcelamentos foram liberados em até 11 vezes, com valor mínimo de R$ 68,14, também com vencimento no quinto dia útil de cada mês. A correção do tributo foi pelo IPCA-E.

Norte

  • Manaus (AM): A capital amazonense decidiu apostar em prêmios para incentivar o pagamento do IPTU. Serão sorteados uma picape e quatro carros populares, além de premiações mensais em dinheiro entre aqueles que quitarem o tributo por meio de cota única ou que mantiverem a pontualidade na opção parcelada.
  • Belém (PA): Pagamentos feitos em uma única cota até 10 de fevereiro terão desconto de 10%. Quem optar pelo vencimento em 10 de março, contará com um abatimento de 7%. É possível pagar em até 10 cotas. O tributo sofreu uma atualização monetária segundo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA-E), acumulado entre outubro de 2020 e setembro de 2021, chegando a 10,05%.
  • Porto Velho (RO): Pagamentos feitos até 31 de janeiro dão direito a um desconto de 20% no IPTU. Até 28 de fevereiro, o abatimento cai para 10% para quem optar pela cota única. Neste ano, o reajusta inflacionário aplicado foi de 10,67%.
Fonte