Entenda o processo para o resgate do ingresso para Flamengo x Grêmio pela Copa do Brasil

5 dias atrás 8

Otávio Trindade* e Ricardo Guimarães

Depois de alguns imbróglios judiciais, o Flamengo poderá receber público na partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil contra o Grêmio nesta quarta-feira. O Maracanã, contudo, estará de portas abertas para apenas 24.783 torcedores que respeitarão um protocolo sanitário que passa da testagem até a vacinação. 

> Confira a classificação atualizada do Brasileirão 2021 e simule as rodadas!

O LANCE! conversou com o Doutor Marcos Villela Pedras, médico-diretor da Clínica Villela Pedras, que foi uma das credenciada pelo Flamengo para realizar a testagem dos torcedores que irão ao estádio nesta quarta-feira. Para o jogo, que é o primeiro de três eventos-testes da Prefeitura do Rio de Janeiro para permitir o retorno do público no futebol, os torcedores só poderão entrar com comprovante de vacinação e teste negativo realizado com até 48 horas de antecedência. 

O médico explicou que os torcedores que não estão em dia com o calendário de vacinação de acordo com sua idade não poderão resgatar o ingresso, independentemente do resultado do teste para infecção do Covid-19. Menores de 15 anos não poderão ir ao jogo. 

E os testes de Covid-19 não poderão ser aleatórios. Os pontos de troca só aceitará a testagem feita com os laboratórios credenciados pelo Flamengo antes da partida. No procedimento, as clínicas tem contato direto com o clube para verificar se o torcedor foi realmente testado ou está tentando fraudar.

+ Conheça o novo app do LANCE! e fique por dentro dos resultados e notícias!

- Os testes que são solicitados são o RT- PCR ou teste do antígenos. Esses testes tem uma sensibilidade muito alta na detecção do Covid-19. São feitos na clínica credenciada pelo Flamengo, com até 48h de antecedência. O laboratório credenciado, mediante um termo de consentimento do torcedor, envia digitalmente o resultado do exame para uma plataforma que o Flamengo criou, de forma que os próprios funcionários e colaboradores do Flamengo possam conferir se esse torcedor realmente realizou o exame - explicou o Doutor Marcos Villela Pedras. 

O médico também explicou que esse procedimento não pode ser fraudado e que é um método que deve ser seguido por diferentes eventos, sejam eles esportivos ou de qualquer outra natureza. De acordo com Villela Pedras, este tratamento se compara ao visto nos estádios da Europa.

Villela Pedras também reforçou que não será possível entrar no Maracanã sem testagem, mesmo que com as duas doses da vacina contra o Covid-19. Entenda como será feito o processo.

- A pessoa que comprar o ingresso online recebe um voucher e não um ingresso final. Com o comprovante de vacinação e com a comprovação da testagem e o resultado negativo, ela vai até um posto de troca do Flamengo e pega o ingresso oficial. Dessa forma não tem como a pessoa entrar no estádio sem fazer essa troca antes porque a única coisa que se tem em mãos é o voucher e não o ingresso em si. O torcedor só consegue o ingresso oficial depois da comprovação da testagem com resultado negativo, além da comprovação de vacinação - concluiu o Doutor Marcos Villela Pedras. 

O Flamengo iniciou a venda de ingressos para o confronto contra o Grêmio na última sexta-feira. Os preços variam entre R$ 100 e R$ 900, e o clube só pode oferecer 35% da lotação do Maracanã, 24.783 lugares. 

Além disso, é válido destacar que apenas o portador do ingresso pode fazer a troca. Dessa forma, não é permitida a retirada de terceiros. O torcedor também deverá apresentar os seguintes documentos:

- Voucher gerado no momento da compra, preenchido, impresso e assinado;

- Documento oficial com foto;

- Comprovante de meia-entrada (se houver compra de meia-entrada);

- Caderneta de vacinação de acordo com o cronograma por faixa etária instituído pela Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, indicado abaixo:
● 50 anos ou mais: apresentar comprovante da segunda dose (ou dose única, nos casos indicados pelo fabricante)
● De 15 a 49 anos: apresentar comprovante da primeira dose (ou dose única, nos casos indicados pelo fabricante).
E
- Exame Antígeno com resultado negativo (não reagente) realizado em um dos laboratórios credenciados entre 21h30 do dia 13/09/2021, e 16h00 do dia 15/09/2021.

*Estagiário, sob supervisão de Ricardo Guimarães.

Fonte