Duna: Explicamos as visões de Paul Atreides e o final

1 mês atrás 27

Alerta de spoilers

A primeira parte de Duna termina com Paul Atreides (Timothée Chalamet) e Lady Jessica (Rebecca Ferguson) encontrando os Fremen. Mas, até isso acontecer, o protagonista do longa da Warner Bros tem visões que podem confundir o público.

Desde o início, Paul via Chani (Zendaya), uma Fremen que abre Duna narrando a situação de Arrakis. Quando ele finalmente a encontra, a personagem está no grupo de Stilgar (Javier Bardem).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Inicialmente, os dois não são bem aceitos, até que Jessica rende o líder dos Fremen. Mas, após esse ato, um integrante do bando ainda não aceita os Atreides, Jamis (Babs Olusanmokun).

Jamis pede para lutar contra Paul, que aceita o desafio – sem saber que a batalha é até a morte. Nesse ponto, as visões se tornam confusas.

Antes do encontro, Paul vê Jamis e o Fremen aparece como um mentor. Depois, em outra da luta, o novo Duque Atreides se vê morrendo nas mãos desse personagem.

No fim, Paul vence Jamis e se torna um dos Fremen. Chani, então, termina Duna afirmando que esse “é apenas o começo”.

Assim, como o protagonista vê, ele deve se tornar uma figura importante em uma rebelião contra o Império. Esse primeiro filme adapta até a metade do livro de mesmo nome, de Frank Herbert.

Dessa forma, Duna ainda tem uma segunda parte para contar essa história. Nela, Paul vai querer vingança pela morte do pai e pela armadilha feita contra a Casa Atraides.

E as visões de Paul Atreides em Duna?

As visões de Paul Atreides fazem parte de quem ele é. Mas, a explicação se elas acontecem está quando o protagonista descobre a verdade sobre as Bene Gesserit.

O filme dá a entender que Paul será aquele que unirá passado, presente e futuro. O que acontece, porém, é que esse futuro é variável e que há pessoas que podem ver essas possibilidades.

Os sonhos e as visões de Paul são possibilidades que mudam conforme o forte vento do deserto. É por isso que o protagonista de Duna se vê com diferentes encontros com Chani, inclusive sendo esfaqueado por ela após o primeiro beijo.

Em uma possibilidade de futuro, isso poderia acontecer. O mesmo vale sobre a relação com Jamis, que foi de mentor nas visões para um rival no futuro que realmente aconteceu.

Duna se passa em um futuro em que a inteligência artificial e super máquinas são banidas. No lugar, humanos são criados como se tivessem grandes habilidades, como fazer previsões do futuro, ou até mesmo serem calculadoras humanas, como Thufir Hawat (Stephen McKinley Henderson).

Paul é o resultado de um cruzamento específico que tem o poder de ver essas previsões do futuro. Com isso, como Duna mostra, ele pode prever diferentes cenários, simplesmente como possibilidades.

Quem sabe, essa parte do universo de Duna ganhe um destaque na continuação.

Duna está em cartaz nos cinemas brasileiros.

Fonte