Departamento de Justiça dos EUA multa GAP por discriminação a estrangeiros

1 mês atrás 33

O Departamento de Justiça dos EUA fechou acordo com a rede de varejo Gap para encerrar processos que investigaram práticas discriminatórias contra imigrantes que trabalharam para a empresa, incluindo estrangeiros que viviam legalmente nos EUA.

Como parte do acordo, a Gap terá que pagar multa e salários atrasados para ex-funcionários prejudicados por suas políticas, além de investir em programas de treinamento e se submeter a monitoramento do governo.

A lei de imigração americana proíbe os empregadores de reverificar desnecessariamente a permissão de um funcionário para trabalhar ou especificar os tipos de documento que um trabalhador tem permissão para mostrar para provar sua permissão devido à sua cidadania, status de imigração ou nacionalidade.

Ricardo Balthazar (interino), Andressa Motter e Ana Paula Branco

LINK PRESENTE: Gostou deste texto? Assinante pode liberar cinco acessos gratuitos de qualquer link por dia. Basta clicar no F azul abaixo.

Fonte