Corinthians busca reação e pega Internacional com Sylvinho sob pressão

1 mês atrás 22

A semana foi de pressão no Corinthians, sobretudo em cima de Sylvinho. Cobrado pela fraca atuação na derrota por 1 a 0 para o São Paulo, na segunda-feira (18), o treinador foi bastante criticado por torcedores.

O placar pode ser considerado normal em um clássico. Mas a baixa produção ofensiva e a dificuldade para conter o ímpeto de um adversário em crise renderam questionamentos, e parte da torcida pediu sua demissão.

É nesse cenário que o time enfrenta o Internacional, às 16h deste domingo (24), no Beira-Rio, em Porto Alegre, pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. O objetivo é apresentar uma reação que aliviaria o peso sobre os jogadores e sobre o técnico —Globo e SporTV vão exibir a partida.

As equipes estão empatadas na tabela do Nacional, com 40 pontos cada uma, e brigam pela classificação à próxima Copa Libertadores. O confronto é tratado como importante nessa luta e na do comandante por um pouco mais de fôlego.

O presidente Duilio Monteiro Alves assegurou que não pretende demitir Sylvinho. E os jogadores procuraram minimizar as críticas, não concordando com a visão de que o chefe perderá o cargo em caso de derrota no Sul.

"A gente acha um pouco estranha essa cobrança, que vem mais de fora do que de dentro. Nosso ambiente é maravilhoso e nos blindamos disso. Aqui todo o mundo acredita no trabalho do Sylvio", afirmou o experiente lateral esquerdo Fábio Santos, um dos líderes do elenco.

O atleta lembrou que o treinador chegou há apenas cinco meses e ganhou recentemente reforços que precisam ser integrados ao grupo. O jeito, diz ele, é fazer os ajustes em meio a um campeonato duro.

"Temos que fazer os testes contra São Paulo, Internacional, Flamengo... Entendemos a busca por resultado imediato, mas o processo é de amadurecimento, crescimento. Estamos brigando pela Libertadores, e ainda faltam 11 rodadas", disse Fábio.

Depois de pegar o Internacional, o Corinthians terá pela frente Chapecoense, Fortaleza, Atlético-MG, Cuiabá, Flamengo, Santos, Ceará, Athletico, Grêmio e Juventude. E Sylvinho esper estar à beira do campo em todos os duelos.

Em Porto Alegre, ele voltará a contar com o lateral direito Fagner, que cumpriu suspensão contra o São Paulo. Agora, quem está fora pelo mesmo motivo é o zagueiro João Victor, que será substituído por Raul Gustavo.

No Inter, que vem de um doloroso empate por 1 a 1 com o Red Bull Bragantino, sofrido no último minuto, a preocupação é com o desgaste físico. Atrasado da 19ª rodada, o jogo foi realizado na quinta (21), e Diego Aguirre observou vários jogadores cansados.

Fonte