Commodities: Aversão ao risco diminui, e café sobe 2,8% em NY

1 mês atrás 29

Group CopyGroup 5 CopyGroup 13 CopyGroup 5 Copy 2Group 6 Copy

Algodão, cacau e açúcar também avançam, e suco de laranja fecha o dia em baixa


Com o alívio na percepção de risco nos mercados financeiros, o café encerrou em alta na bolsa de Nova York na sessão de hoje (3/12). Os contratos do arábica para março avançaram 2,85%, a US$ 2,4335 a libra-peso.

Mais do Valor Econômico

Segundo Bento Albuquerque, antes de o projeto avançar, é preciso colocar Angra 3 em operação, o que está previsto para acontecer até 2026

Há 2 minutos Brasil

Algodão, cacau e açúcar também avançam, e suco de laranja fecha o dia em baixa

Há 11 minutos Agronegócios

“Não há hipótese alguma de racionamento ou apagão por falta de energia", afirma ministro Albuquerque. Pode ser por conta de um raio ou tempestade, mas não por falta de energia”

Há 19 minutos Brasil

Argentino Oliveira, diretor de gente e gestão da Suzano, é o convidado da série de lives que debate os temas em alta do RH

Há 22 minutos Carreira

Dois hipopótamos em um zoológico na Bélgica estão isolados após o teste positivo para covid-19, possivelmente a primeira vez que esses animais foram infectados com a doença

Há 30 minutos Mundo

Os preços para fevereiro do Brent terminaram o dia em alta de 0,30% e os para janeiro do WTI caíram 0,36%; na semana, o Brent acumulou perda de 3,90% e o WTI, de 2,77%

Há 33 minutos Finanças

Há 46 minutos Política

As dúvidas em volta da tramitação da PEC dos Precatórios persistem mesmo após a aprovação do texto no Senado, o que contribuiu para o sentimento de cautela e para a valorização da moeda americana

Há 49 minutos Finanças

Decisão foi tomada após as autoridades de Guangdong terem convocado o presidente da incorporadora, Hui Kan Yan, para uma reunião

Há 50 minutos Mundo

A paciente voltou do Congo e começou a ter o quadro monitorado no fim de novembro

Há 50 minutos Brasil

Fonte