Vitimas Brasileiras do acidente com o Airbus A330-200 do voo AF447 Rio-Paris da Air France


O acidente, destruiu os planos de jovens casais em lua de mel, da viagem de ferias, da confraternização de amigos e família, da especialização profissional, e varias outras histórias que tiveram seu curso interrompido, o destino dessas 228 pessoas se cruzaram no mesmo instante e tiveram um trágico fim.

Havia 228 pessoas a bordo do voo 447 da Air France, sendo 12 tripulantes e 216 passageiros (1 bebê e 7 crianças) e pessoas de varias nacionalidades.

Leia aqui a relação os passageiros de outros países: FRANÇA, ALEMANHA, CHINA, ITÁLIA, SUÍÇA, INGLATERRA, LÍBANO, IRLANDA, HÚNGRIA, MARROCOS, NORUEGA, ESLOVÁQUIA, ESTADOS UNIDOS, ESPANHA, POLÔNIA, SUÉCIA, ARGENTINA, ÁUSTRIA, CANADA, CROÁCIA, DINAMARCA, ESCÓCIA, HOLANDA, ESTÔNIA, FILIPINAS, ISLÂNDIA, GAMBIA, KOREA DO SUL, ROMÊNIA, RÚSSIA, ÁFRICA DO SUL, TURQUIA.

Logo abaixo a relação com os 59 Brasileiros a bordo sendo: 57 adultos, 1 criança e 1 tripulante. Cada nome é complementado com uma pequena descrição incluído foto e motivo da viagem.

 

BRASIL
Adriana Francisco Sluijs | Adriana Moreira Henriques | Ana Carolina Rodrigues | Angela Cristina de Oliveira Silva | Antonio Gueiros | Bianca Machado Cotta | Carlos Eduardo Macário de Melo | Deise Possamai | Eduardo César Moreno | Ferdinand Porcaro | Francisco Eudes Mesquita Valle | Gustavo Peretti Matos | Hilton Jadir Silveira de Souza | Izabela Maria Furtado Kestler | Leonardo Veloso Dardengo | Letícia Chem | Lucas Gagliano Jucá* | Luciana Clarkson Seba | Luis Cláudio Monlevad | Luiz Roberto Anastácio | João Marques da Silva Filho | José Gregório Moreno Marques | José Roberto Gomes | José Ronnel Amorim | Júlia Chaves de Miranda Schmidt | Juliana de Aquino | Marcela Marques Pelizzon | Marcelo Parente Gomes de Oliveira | Marcelle Valpaços Fonseca Lima | Marcia Moscon de Faria | Marco Antônio Camargos Mendonça | Maria de Fátima Valle Brito | Mateus Nazareth Ceva Antunes | Maria Tereza Moreno Marques | Nelson Marinho Filho | Octavio Augusto Ceva Antunes | Patricia Nazareth Antunes | Paulo Valle Brito | Pedro Luis de Orleans e Bragança | Roberto Corrêa Chem | Sílvio Barbato | Simone Jacomo dos Santos Elias | Sonia Maria Esteves de Amorim | Sonia Maria Cordeiro Porcaro | Tadeu Dias de Moraes | Valnilzia Betler | Vanderleia Carraro | Vera Chem


~#~

O empresário de Reriutaba, radicado em Niterói, Francisco Eudes Mesquita Valle diretor da transportadora de combustíveis TLW a esposa, a arquiteta Maria de Fátima Brito

Estavam com o casal seu filho o empresário Paulo Valle Brito acompanhado também pela esposa a psicóloga Luciana Clarkson Seba.

Luciana Seba neta de Roched Sebá, ex-diretor do Instituto Vital Brazil, era professora da Escola Preparatória, especializada em concursos públicos na área de psicologia. Segundo a direção da instituição, Luciana deu aulas no sábado, um dia antes de viajar.

Viajavam a passeio e para visitar outra filha de Francisco e Maria: Juliana, que mora na China, mas que ia encontrar com a família na França e estava indo em outro vôo.

“O filho dele, o Paulo, não queria viajar, só foi por insistência do pai, da mãe, da esposa e, principalmente da irmã que queria se reunir com eles em Paris” relatou uma professora cearense parente da família.

~#~

Marco Antônio Camargos Mendonça,44, diretor da área de Manganês e Ligas da Vale

Casado e morador de Belo Horizonte, tinha dois filhos. A empresa comunicou uma nota confirmando seu desaparecimento. Ia receber um prêmio em Dubai, nos Emirados Árabes.

~#~

José Roberto Gomes, 50, professor de administração da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ)

Ia participar de um congresso na Europa

~#~

A empresa Norueguesa StatoilHydro uma das maiores petrolíferas do planeta perdeu 3 funcionários no acidente.
O Norueguês Kristian Berg Andersen, 37, (foto maior) funcionário da empresa escandinava havia 5 anos e que gerenciava o departamento jurídico da StatoilHydro no Rio de Janeiro.
E dois brasileiros: Marcela Marques Pelizzon, 29, Geóloga ia estudar na Noruega, e Gustavo Peretti Matos, 30, advogado. StatoilHydro tem um acordo para a produção de etanol com a Petrobras.

~#~

A brasileira Angela Cristina de Oliveira Silva, responsável por uma organização internacional de orientação e defesa da mulher estrangeira com projetos no Brasil, Itália, Nigéria e Espanha.

Estava no voo com o marido o italiano Enzo Canaletti militar reformado do Exército italiano, viviam na região de Veneza, Tem uma filha de 20 anos.

~#~

Advogada mineira Júlia Chaves de Miranda Schmidt, 27, especialista em direito internacional, a advogada cursou doutorado na Bucerius/WHU, em Hamburgo.

Ela também fez cursos na Universidade de Marburg, também na Alemanha, depois de se formar em direito pela FUMEC (Fundação Mineira de Educação e Cultura), em Belo Horizonte. A advogada fala inglês, espanhol e alemão fluentemente.

A intenção de Schmidt era voltar para a Alemanha para trabalhar, depois de passar 15 dias de férias no Brasil, segundo a família. Ela estava indo para Berlim, com escala em Paris.

~#~

O engenheiro da Petrobras Hilton Jadir Silveira de Souza, 50, natural de Montes Claros (MG) mas morador do Rio de Janeiro há 20 anos.

Souza viajou a serviço da Petrobras, e de Paris iria para Berlim, na Alemanha.

~#~

Maestro Silvio Barbato,50, Regente titular da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio e Diretor Artístico do Teatro Nacional Cláudio Santoro, em Brasília, Barbato estudou composição e regência com Claudio Santoro e Azio Corghi (na Itália).

morava no Rio e estava indo para uma apresentação a Ucrânia. Estava preparando uma turnê de concertos por cidades brasileiras em homenagem ao compositor Cláudio Santoro.

~#~

A catarinense Deise Possamai, 34, embarcou no voo da Air France que desapareceu no percurso Rio-Paris na noite de domingo.

O destino dela era a Itália, onde faria um curso por dois anos, informou a prefeitura de Criciúma, da qual ela era funcionária há nove anos.

Natural de Nova Veneza, no sul de Santa Catarina, Deise era concursada da prefeitura de Criciúma. Era formada em direito e administração e trabalhava no setor de controle econômico, do qual tirou licença para fazer uma especialização e estudar italiano.

~#~


O pesquisador de armas da ONG Viva Rio, o argentino Pablo Gabriel Dreyfus, 38, e sua esposa a brasileira Ana Carolina Rodrigues,28, estavam no avião da Air France desaparecido. Pablo era reconhecidamente um dos maiores especialistas internacionais sobre controle de armas de fogo. Viajava para a Suíça, para a reunião anual da mais importante publicação sobre armas e munições, o anuário Small Arms Survey, do qual era um dos editores.

Pablo era formado em Ciência Política pela Universidade de Buenos Aires, mestre em Relações Internacionais e doutor em Relações Internacionais pelo Institut Universitaire de Hautes Études Internationales. Entre a sua extensa produção na área de controle de armas, constam as pesquisas “A indústria brasileira de armas leves e de pequeno porte: produção legal e comércio” e “Posse de armas de fogo no Brasil: eamento das armas e seus proprietários”, publicadas no livro “Brasil: as armas e as vítimas”.

Ana era formada em Sociologia pela UFRJ, mestre em Rádios Comunitárias pela PUC e doutora em Juventude pelo Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro (IUPERJ), na Cândido Mendes, antes de vir para o Viva Rio, Ana Carolina trabalhou como assistente de pesquisa do Centro de Estudos de Segurança e Cidadania da Universidade Cândido Mendes (CESeC).

~#~

Nelson Marinho Filho,40, Era técnico mecânico de um empresa italiana de perfuração de poços de petróleo e que presta serviços para a Petrobras.

Ele ia para a França para fazer uma conexão para Angola, onde trabalharia para uma empresa norueguesa de petróleo.

Marinho Filho, costumava viajar para países como Noruega e Polônia para fazer trabalhos para essa empresa.

Era casado, não tinha filhos e morava em Araruama (região dos lagos do Rio de Janeiro).

~#~

O engenheiro Luís Cláudio Monlevade, 48, era gerente de qualidade da empresa de tubulações Saint-Gobain.

Segundo a empresa, ele desembarcaria em Paris e de lá seguiria de trem para Nancy, onde participaria de um seminário.

Casado e pai de dois filhos, o brasileiro morava em Barra Mansa, na região fluminense do Médio Vale do Paraíba, entre as Serras do Mar e da Mantiqueira.

Monlevade já acumulava, em duas passagens, mais de 20 anos de carreira na Saint-Gobain.

~#~

Doutorando pela UFRJ, oceanógrafo capixaba Leonardo Veloso Dardengo, 31, de acordo com a assessoria de imprensa da Coppe, Dardengo, que é natural de Vitória (ES), faz pesquisas no laboratório de hidrologia. Em seu “Currículo Lattes“, cadastrado no site da CNPq, consta que ele atua na área de oceanografia e hidrologia, com ênfase em sensoriamento remoto, modelagem numérica e sedimentos coesivos.
Segundo um amigo de infância do oceanógrafo, ele ia à Europa para um curso e para visitar amigos.

~#~

O chefe de gabinete da Prefeitura do Rio, Marcelo Parente Gomes de Oliveira, 38, e a mulher estão entre os ocupantes do voo 447 da Air France.

“É um momento de muita tristeza para mim e para todos os familiares”, lamentou Paes, informando que pediu ao governador Sérgio Cabral que fosse decretado luto oficial no Estado do Rio de Janeiro.

A esposa Marcelle Valpaços Fonseca Lima, de 28 anos, Formada em Direito pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), Marcelle foi aprovada no concurso da procuradoria em 2006. O casal não tinha filhos.

~#~

Três funcionárias do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro estavam no voo 447 da Air France, que desapareceu domingo depois de decolar com destino a Paris.

São as servidoras Simone Jacomo dos Santos Elias, Márcia Moscon de Faria e Sônia Maria Esteves de Amorim, que trabalhavam na Vara da Infância, da Juventude e do Idoso, na Praça Onze, no centro.

Simone, 41, é psicóloga e trabalha há sete anos no TJ. Márcia, 49 anos, também é psicóloga e está há 10 anos no tribunal. Sônia, 57, é comissária de Justiça e está há nove anos na Vara da Infância do Rio.

~#~

A farmacêutica Vanderléia Carvalho, de 25 anos, viajava a trabalho, Seria a primeira viagem para a Europa.

~#~

A professora Izabela Maria Furtado Kestler, da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Integrante do Departamento de Línguas Anglo Germânicas da UFRJ, Izabela possui mestrado e doutorado em Neuere Deutsche Literaturgeschichte, sendo atualmente membro do Programa de Mestrado Interdisciplinar em Lingüística Aplicada e Professor Associado 1 da UFRJ.

Izabela atuava principalmente no ensino de literatura alemã, segundo a assessoria da UFRJ, Izabela, que é ligada à universidade do Rio há mais de dez anos, viajava a trabalho para a Alemanha para participar do congresso anual da Sociedade Goethe.

~#~

A turismóloga Adriana Moreira Henriques, 27, moradora de Vila Izabel (RJ), Segundo uma amiga, o sonho dela era conhecer a Europa.

Adriana viajava sozinha no Airbus A-330 da Air France, Os tios dela haviam partido para Portugal, para onde ela iria para se encontrar com eles.

~#~

A médica Bianca Machado Cotta e o advogado Carlos Eduardo Macário de Melo se casaram no sábado à noite, com uma grande festa no Iate Clube de Icaraí, em Niterói, depois de três anos de namoro, iam
passar a lua de mel em Paris.

Filha única do cientista Renato Cotta, professor do Instituto Alberto Luiz Coimbra de Pós-Graduação e Pesquisa de Engenharia da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), Bianca formou-se em medicina em dezembro passado.

Eduardo também era recém-formado em direito, de acordo com um parente, Bianca é uma jovem romântica, de 25 anos, que realizou um casamento “de contos de fada“, para cerca de 300 convidados. Na família da noiva, há dois desembargadores: Enéas Cotta, aposentado, e Renata Cotta, que assumiu o posto recentemente.

~#~

Seu nome completo era digno da nobreza: Pedro Luiz Maria José Miguel Gabriel Rafael Gonzaga de Orleans e Bragança. Mas era tratado mesmo como dom Pedro Luiz. Nasceu em 1983, no Rio, filho do príncipe dom Antonio e da princesa belga Cristina de Ligne.

Ele era descendente de Dom Pedro II e o quarto na linha sucessória de trono, formado em administração de empresas e com pós-graduação em economia, dom Pedro Luiz estagiava numa instituição financeira de Luxemburgo.

Pedro Luiz estava à procura de uma princesa, aos 26 anos, ele queria se casar para manter uma tradição tão cara aos Orleans e Bragança: o sonho de restaurar a monarquia nos trópicos.

Vivia em Luxemburgo e sabia que ali, no pequeno país europeu incrustado entre França, Bélgica e Alemanha, estava mais próximo dos castelos que frequentava, dos casamentos e aniversários, das festas, dos encontros de nobres.

~#~

O cirurgião plástico Roberto Correa Chem, 65, era diretor do banco de peles do serviço de cirurgia plástica da Santa Casa de Porto Alegre, no avião estavam também a mulher, a psicóloga Vera Chem, 63 e a filha Letícia Chem, 36 (gerente de roaming da Oi – RJ). Estavam todos de férias e a caminho da Grécia.

Os Chem deixaram uma filha (que está grávida), um filho (o médico Eduardo) e dois netos, um de 8 anos e outro de 1 ano

~#~

Formado em Tecnologia da Informação, Antonio Gueiros (foto 1), de 46 anos, O Brasileiro que nasceu no Rio de Janeiro, registra 24 anos de carreira na Michelin.

começou sua carreira na empresa como analista de sistemas, passando a coordenador, gerente, “Cliente Solution Manager” desde 4 de maio de 2009, assumiu a responsabilidade de diretor de Informática da Michelin América do Sul. Deixa dois filhos.

Viajava com Luiz Roberto Anastácio (foto 2), 50, Brasileiro funcionário da companhia há 27 anos, era atual presidente para a América Latina do fabricantes de pneus Michelin.

~#~

Juliana Ferreira Braga de Aquino, 29, era cantora e morava havia seis anos na Alemanha. Ela tinha vindo ao Brasil para visita em Brasília pais e amigos. Ficou 20 dias. Ela foi estudante de canto na UnB (Universidade de Brasília).

No ano passado, foi a Maria Madalena em Jesus Christ Superstar, musical promovida na Áustria. Atualmente, fazia parte do musical Wicked, em Stuttgard.

No Brasil, era pouco conhecida, embora tivesse talento temperado por uma voz suave e afinada.

~#~


Adriana Francisca Van Sluijs, de 40 anos, era assessora de imprensa da presidência da Petrobras, Adriana estava a caminho da Coreia do Sul, onde participaria de uma cerimonia para inaugurar um navio sonda.

~#~

Lucas Gagliano Jucá, 24, o único tripulante brasileiro do voo 447 da Air France.

“O Lucas era apaixonado pela aviação. Ele veio há 15 dias enterrar o pai no Rio. A mãe dele está em estado de choque”, disse Jorge Luís, tio do comissário.

ARTIGOS RELACIONADOS
Política de Privacidade • 2018 (CC)