Estatística, amostragem, margem de erro: saiba como funcionam as pesquisas eleitorais.


Vamos citar como exemplo uma pesquisa eleitoral para a próxima eleição municipal em Salvador-BA, segundo dados do TSE a cidade tem 1.881.544 eleitores, e a ultima pesquisa feita pelo IBOPE foram entrevistados apenas 602 pessoas, como isso é possível?

Para consultar dados de todas as pesquisas registradas no Brasil acesse o PesqEle – Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais.

Uma pesquisa eleitoral depende de três fatores para dar certo: sorteio probabilístico, Amostragem, e Tratamento dos dados coletados, e para realizar tal procedimento é preciso um profissional estatístico capacitado, pois não existe formula pronta, um método usado em uma cidade não serve para outra, tem que ser criado.

No primeiro estágio fez-se um sorteio probabilístico dos setores censitários onde as entrevistas serão realizadas, pelo método PPT (probabilidade Proporcional ao Tamanho), tomando o eleitorado como base para tal seleção.

No segundo estágio, dentro dos setores sorteados, os respondentes são selecionados através de quotas amostrais, proporcionais em função de variáveis significativas, a saber: Sexo, Idade, Grau de instrução e Ramo de atividade, de acordo com o perfil do eleitorado.

O nível econômico é assegurado através do controle das variáveis descritas acima da dispersão geográfica da amostra.

O estatístico analisa todos os dados e cria o método, compilando em um formulário bem intuitivo para ser levado a campo, onde é feita a amostragem.

[image style=aligncenter][/image]

O entrevistador segue a campo já com os locais e ruas pré-determinados, fazendo a entrevista, somente na casa do entrevistado e com o morador da respectiva residência, pesquisas feita em ruas e/ou estabelecimento comerciais não tem valor algum, ou ira gerar uma excessiva margem de erro amostral.

MAS COMO 602 PESSOAS PODE REPRESENTAR UM MILHÃO E OITOCENTOS MIL ELEITORES

Amostragem, é o estudo de um pequeno grupo de elementos retirado de uma população que se pretende conhecer. A partir de cálculos matemáticos e o estudo da probabilidade é provado de forma idônea que pode representar o universo pesquisado, com margem de erro aceitável.

Não é qualquer grupo de pessoas que sera uma amostra representativa do todo, no exemplo anterior, nem todas as 602 entrevistas serão utilizadas para a estatística final, na analise de dados serão separados de acordo com a proporção do eleitorado em: Sexo, Idade, Grau de instrução, Ramo de atividade e nível econômico.

Se do grupo tinha, 10 mulheres, entre 25 e 35 anos, com nível superior, casada, de classe média alta, e de diferentes bairros da cidade, esse grupo ira representar o todo da mesma característica, digamos que seja 100 mil do total de 1.881.544 eleitores de salvador, esse dados são obtidos do ultimo censo IBGE.

O estatístico cria o método, o entrevistador faz as entrevistas, e em seguida os dados são analisados, mas algumas vezes acorre um erro muito grande, são duas as possibilidades:

1) O resultado é induzido para favorecer a campanha de algum candidato inescrupuloso (será que acontece no Brasil?). Geralmente isso ocorre em institutos de pesquisas de pouca expressão, basta 1 estatístico e 1/2 dúzia de entrevistadores para formar um instituto “meia boca” e registrar uma pesquisa no TSE.

2)
Um instituto “meia boca” que não foi comprado, mas os donos querem ganhar uma grana boa e contratam qualquer pessoa, paga uma “Mixaria” para fazer as entrevistas, ai o sujeito senta em uma mesa de bar toma umas cervejinhas e para passar o tempo preenche os formulários ele mesmo.

Esse tipo de coisa e muito difícil de acontecer em institutos de renome e com uma imagem a zelar, como IBOPE, Datafolha, Vox Populi, etc. Verifique no PesqEle – Sistema de Registro de Pesquisas Eleitorais que você vai perceber que existem mais de 1000 institutos credenciados no TSE para fazer pesquisa.

Então tenha consciência que uma pesquisa bem feita não tem erro, o erro é induzido ou a pesquisa é mal feita, sempre desconfie de institutos de pouca expressão e que as vezes é de propriedade do primo do cunhado da esposa do candidato.

ARTIGOS RELACIONADOS
  • rastreador_gps
  • cartoes-de-visita-03
  • seguros-carros
  • drop_box

1 Comentário/TracBack

  1. Daniel Ramos disse:

    Bom artigo galera,
    obrigado!

TracBack

ESCREVER UM COMENTÁRIO

Política de Privacidade • 2014 (CC) • Hosted on VEXXHOST